Muitas pessoas perguntam qual o melhor momento para buscar por terapia; nas próximas linhas vamos tentar entender se existe esse momento e como podemos percebê-lo, caso exista. Infelizmente, muitas pessoas têm medo ou vergonha de buscar ajuda, e algumas que já foram atrás de ajuda profissional têm dificuldades em falar sobre o assunto por medo de julgamentos dos outros.

O QUE É PSICOTERAPIA?

Antes de tudo, precisamos entender que psicoterapia é um tratamento que tem como objetivo curar as doenças da mente e transtornos psicológicos, buscando restabelecimento da saúde mental das pessoas.

A psicoterapia é uma das formas de aplicação da Psicologia como ciência, é um tipo de tratamento baseado em estudos sólidos e sustentáveis.

Diversas abordagens psicológicas podem ser usadas na aplicação da psicoterapia, as mais conhecidas são:

Pessoa feliz conversando
  • · Psicanálise – Criada por Freud, enfatiza tornar os processos mentais inconscientes para conscientes e consequentemente poder trabalhar suas emoções e seus comportamentos desadaptativos e recorrentes. Temas como simbolismo dos sonhos e estágios psicossexuais fazem parte da teoria psicanalítica que também defende a existência que a mente é composta pelo “id” (responsável pelos desejos inconscientes e primitivos), “ego” (que organiza as exigências reais em busca da satisfação das nossas necessidades de maneira socialmente aceitável) e o “superego” (responsáveis por nossos valores e regras morais).
  • · Análise do Comportamento – Acredita-se que todo comportamento tem uma função, existe por algum motivo e a explicação é baseada no antecedente (ambiente ou o que acontece antes do comportamento), no comportamento (o próprio ato em si) e na consequência (o que acontece após o comportamento). Baseia-se nos pressupostos do Behaviorismo proposto por Skinner.
  • · TCC – Terapia Cognitivo Comportamental – Derivada da Análise do Comportamento, a diferença é que além da explicação baseada no antecedente, no comportamento e na consequência também incluem o pensamento que influencia nossos sentimentos e a maneira como levamos a vida. Aaron Beck é um dos principais precursores.
  • · Humanismo – Acredita que todos temos uma tendência à realização que nos leva ao desenvolvimento e evolução através de um ambiente acolhedor favorável ao crescimento e acolhedor de si; acredita-se que a pessoa só consegue mudar a partir através da autoaceitação. Abraham Maslow e Carl Rogers são os principais precursores. Rogers inclusive desenvolveu a “teoria centrada na pessoa”; que busca entender o que se tem dentro de si e reconhecer que se tem condições de ser alguém melhor.
  • · Fenomenologia – Seu foco está na realidade das experiências e na intencionalidade das atitudes, para a abordagem cada pessoa experimenta o mundo de maneira única. Busca o entendimento da sua existência, tornando-se a pessoa mais responsável por seu destino. Os principais idealizadores foram Sartre, Husserl e Heidegger.
Existe um melhor momento para procurar por terapia?

Podemos dizer que não existe melhor momento; terapia é para todos; mas temos a consciência de que a maioria das pessoas só pensam em procurar ajuda profissional quando se sentem sufocadas por problemas ou por estarem vivendo sofrimento intenso.

Infelizmente ainda existe um tabu a ser superado por muitos, que acreditam que procurar ajuda profissional é para pessoas fracas ou que estão sofrendo com transtornos mentais. O que não é correto, terapia também é para quem quer se desenvolver e ter mais consciência de si e melhora na qualidade de vida e não necessariamente tenho que ter um problema visível para buscar por análise.

Pensando que a procura está relacionada a sofrimento, descontentamento e dor, existem alguns pontos onde se pode identificar a necessidade de ajuda profissional, como:

  • · Nervosismo ou tristeza constante;
  • · Dificuldade no controle das emoções;
  • · Ansiedade que permanece;
  • · Falta de vontade em fazer coisas que antes davam prazer;
  • · Irritabilidade e falta de paciência;
  • · Sentimento de culpa excessivo;
  • · Falta de produtividade no trabalho;
  • · Sentimento de inadequação;
  • · Vontade de fugir e se esconder;
  • · Dificuldade nos relacionamentos,
  • · Sensação de falta de energia.

Encarar essas dificuldades sozinho pode ser uma tarefa muito difícil, transpor dores e traumas com ajuda profissional, baseada em teorias fundamentadas cientificamente, proporcionará ao paciente uma busca mais organizada e fortalecida ao equilíbrio emocional.

Muitos benefícios podem ser trazidos através da psicoterapia, listamos 15:

Anotando conversa da consulta
  • · Superar suas dificuldades;
  • · Compreender sentimentos e emoções;
  • · Entender a diferença entre culpa e responsabilidade;
  • · Tornar-se cada vez mais independente;
  • · Desenvolver tolerância;
  • · Reconhecer a si mesmo;
  • · Elevar a autoestima;
  • · Aumentar a confiança;
  • · Praticar o desapego;
  • · Transpor traumas;
  • · Criar relações saudáveis;
  • · Compreender e superar términos;
  • · Entender limitações;
  • · Respeitar e aprender lidar com os próprios medos,
  • · Aprender a colocar e respeitar limites.
PONTOS IMPORTANTES

Apesar da psicoterapia estar ancorada no diálogo e na troca verbal de informações, não significa que é o mesmo que ficar de papo para o ar com um conhecido ou amigo. Os profissionais têm formação na área, o que lhe dá habilidade na condução das sessões de acordo com a necessidade do paciente. O foco é promover a reflexão e identificar a origem do sofrimento e buscar alternativas para transpor a situação.

A terapia é indicada tanto para transtornos complexos como depressão, ansiedade generalizada e bipolaridade, quanto para queixas situacionais como luto, términos de relacionamento e superação de traumas.

Fazer terapia não é uma decisão simples, requer coragem, em muitos momentos o sofrimento estará lá e terá que ser encarado de frente e isso pode doer.

Se precisar buscar ajuda ou mesmo decidir fazer terapia para seu desenvolvimento, vá em frente, não desista. É muito importante valorizar sua trajetória, ter consciência de quem se é e buscar evoluir o tempo todo.

E se decidir fazer terapia, procure a Buscoterapia, nossos profissionais estão preparados para atendê-los.

Se interessou pelo artigo?

Compartilhe com seus amigos. E se decidir fazer terapia, procure a Buscoterapia.

Você que é Psicólogo ou Psicanalista e quer viver de terapia, venha para a Buscoterapia e conheça todas as vantagens que oferecemos, além dos pacientes que estão disponíveis e esperando por você.